CRBbU/Un6iQ3Si8II/AAAAAAAACQs/v47bfK8pSNI/s400/tumblr_mvym62Tih81rnbafjo1_400.gif

>


terça-feira, 19 de agosto de 2014





Quando receber-te
É  minhas palavras
Sussurradas
Fizerem-te estremecer
Quero teu grito
Rasgando a letra
Não substituída
Tem que ser nua
Pura , crua
Verso feito
No descanso sobre meu peito
Teu silencio
Declara-me  teu cansaço
Calo-me
Viajando no teu respirar
Em sincronia unhas cravadas
Em tuas costas
A poesia geme
 No penetrar !


Sandrinha Maya 






Nenhum comentário:

Postar um comentário